Feriado do 1º de maio no divã da terapeuta rua

Padrão

O dia é 1º de Maio, uma data diferenciada aos trabalhadores pois marca uma conquista histórica nos direitos da classe proletarizada e, como forma de comemorá-la, foi instituído à ela um feriado mundial.

Normalmente, o feriado é um dia usado para se descansar, curtir a família e tantos outros programas. Isto se decide de acordo com o gosto e a preferência de cada um. No meu caso, minha atitude é acordar cedo como de costume, fazer minha corrida e conversar com minha grande amiga “terapeuta”: a rua (slogan usado de forma inteligente em um vídeo da marca “Puma”). Confira abaixo

 

Iniciei o percurso nas imediações da Avenida Abraão de Moraes com a Rua General Chagas Santos. Até o quilometro dois aproximadamente estive em consulta com minha “terapeuta”, até encontrar um companheiro de treino diário, José Antônio, amigo que tive a felicidade de conhecer através deste esporte apaixonante, a corrida de rua.

Nos encontramos na Avenida Osvaldo Aranha, local que costumo fazer maior parte de meus treinos e, de lá, seguimos para Avenida do Cursino em direção ao museu do Ipiranga.

Seguimos a Av. Cursino até Gentil de Moura trocando muitas ideias, nos divertindo com os assuntos que, neste momento, eram todos válidos, mas com a condição que fossem produtivos e agradáveis para ambas as partes. Com certeza não consigo listar tudo o que conversamos, mas uma coisa é certa: é realmente muito bom estar em atividade fazendo algo que se “ama”, aprendendo cada vez mais com os amigos.

Descemos a Rua Gentil de Moura em direção à Avenida Nazaré para seguir até o museu do Ipiranga e retornarmos pela Avenida Ricardo Jafet até o final da Abraão de Moraes. De lá, nosso objetivo foi seguir pela Miguel Estefano, passando pelo Zoológico e retomando a Cursino novamente no final da Miguel Estefano. Até este momento já havíamos percorrido por volta de 18 quilômetros e, mesmo assim, as ideias e o humor eram os mesmos, exceto no final da Miguel Estefano próximo ao zoológico que tem uma bela de uma subida que, sinceramente, neste ponto meu raciocínio já não era mais o mesmo, mas diante do prazer que a endorfina gera e uma boa companhia, ajudam a superar o cansaço.

Na Cursino novamente em direção à Ribeiro Lacerda, continuamos nossa corrida, a ideias iam fluindo a todo vapor e o cansaço neste dia parecia querer dominar a situação, mas a vontade de continuar correndo, com responsabilidade, é claro, falou mais alto, pois sentia que era algo suportável, nada que realmente pudesse atrapalhar. Tive a companhia do meu amigo até a Ribeiro Lacerda e dali em diante segui até minha casa, voltando a minha consulta com “Terapeuta”. No meio da minha consulta, volto a parafrasear o trecho do vídeo da “Puma” que diz que é cobrado por quilômetros e já havia pago algo em torno de 23. Confirmei então o que sinto todos os dias.

Uma imensa necessidade de correr, não por ser uma moda ou fazer parte de um grupo, mas sim pelo prazer, paixão, amor a um esporte que só me ensina e mostra que, apesar da individualidade que ele traz, também pode oferecer encontro com pessoas que podem nos ajudar a crescer e aprender. Só precisamos sair do nosso mundo particular e abrir nossos olhos e ouvidos para aproveitar esses momentos que nos provam que não sabemos de absolutamente nada na vida. Não quero pregar uma ilusão de que no meio dos corredores de rua só exista gente boa e simpática, pois gente ruim há em torno lugar, mas tudo depende de como cada um vai agir. Eu prefiro sempre dar um bom dia para as pessoas, salvo a algumas que não correspondem, mas procuro sempre fazer minha parte.

Então vamos dar uma passada na terapeuta para esta maravilhosa consulta. Garanto que quando estou na minha me sinto extremamente feliz e livre de qualquer prisão intelectual pois esta “terapeuta” consegue nos mostrar o caminho para expulsarmos nossos demônios.

Um ótimo dia do Trabalhador a todos e desejos quilômetros e quilômetros de créditos para esta consulta prazerosa na rua.

Dados
Distância: 23km
Desbravadores: Jefferson Thosi e José Antônio
Tempo percorrido: 2h30’16″
Mais detalhes, clique aqui.

Uma breve observação sobre o Parque do Estado:

Uma excelente pedida para quem quer saber mais sobre fauna, ciência e mata atlântica. No parque do Estado encontram-se o jardim botânico e o Zoológico de São Paulo. Além deles, também está estruturado neste local o parque Cientec, projeto similar à estação Ciência onde se pode ter contato com experiências em exposições que abordam várias áreas de conhecimento, da matemática à astronomia. O Parque do Estado é uma das maiores reservas preservadas de mata atlântica dentro da cidade de São Paulo, visto como um verdadeiro oasis em meio ao caos desértico de concreto.

Por: Jefferson Thosi

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s